Qual andar de apartamento é mais valorizado?

30 Março 2022 | Atualizado em 22 Maio 2022
Por Nicole Santos

Valorização de apartamento por andar

Muitas dúvidas podem surgir na hora de comprar um imóvel, afinal, um bom negócio pode proporcionar qualidade de vida para você e sua família e, ainda, garantir a valorização e rentabilidade do imóvel no futuro.

Por isso, ser capaz de dizer qual andar de apartamento é mais valorizado e quais os fatores que fazem parte dessa matemática, pode ser uma boa estratégia para encurtar a jornada de compra e, mesmo assim, fazer um investimento com potencial de valorização.

No decorrer deste artigo, você aprende como escolher o andar ideal, confere um exemplo prático de variação do preço por andar e ainda tem suas dúvidas sobre esse assunto respondidas. Vamos lá?!

Primeiro, por que os apartamentos têm diferentes preços por andar?

É comum que durante a procura pelo seu novo apartamento, você se depare com a seguinte situação: a mesma planta, no mesmo prédio que você está de olho, com valores diferentes.

Pode ficar tranquilo que não é enganação não! Isso acontece porque, além da metragem e do tipo de planta, existem outros fatores que agregam valor aos imóveis, como posição solar, vista e, claro, o andar do apartamento.

Isso porque existem algumas vantagens e desvantagens relacionadas ao andar das unidades, que vamos te contar em seguida.

O que interfere na valorização do andar do imóvel?

Preparamos um checklist de pontos que podem interferir na valorização dos apartamentos por andar, bem como no preço final do imóvel, confira:

Vista

Aqui, o apartamento com a melhor vista vence. Sim, de modo geral, os apartamentos que apresentam uma vista ampla, limpa e iluminada se destacam. Especialmente imóveis com vista para o horizonte, mar, parques, área verde, nascer ou pôr do sol.

Para você ter noção de como o quesito “vista” pode alterar totalmente a percepção de um ambiente, dá uma olhadinha nesse vídeo:

Iluminação

Se a propriedade fica em um andar mais alto, dificilmente outros prédios farão sombra no seu apartamento, escurecendo o interior do seu imóvel.

Por outro lado, se o apartamento está localizado em um andar mais baixo, os prédios vizinhos podem tapar boa parte da luz natural que entraria no seu imóvel.

Ventilação

O mesmo se aplica para a ventilação do imóvel, pois um apartamento localizado em um andar mais alto ventila melhor, uma vez que “foge” da interferência dos edifícios em volta.

O fator iluminação e ventilação são observados, principalmente nos apartamentos que possuem grandes janelas. Afinal de contas, o que adianta adquirir o imóvel por essa característica e não usufruir dos seus principais benefícios?

Privacidade

Prédios vizinhos da mesma altura podem prejudicar a privacidade do seu apartamento, já que você terá que lembrar de sempre fechar as cortinas e se cuidar mais dentro da própria casa.

Por isso, comprar um imóvel nos últimos andares e em prédios mais altos também é uma forma de proteger sua intimidade, pois ninguém gosta de se sentir observado o tempo todo, certo?

Silêncio X Barulho

Neste tópico existe um grande ponto de atenção: é comum pensarmos que os andares mais baixos são sempre os mais barulhentos, mas essa não é uma regra!

Isso porque, fisicamente falando, o som se propaga na direção superior, ou seja, a tendência é que o barulho “suba” conforme a altura do empreendimento. Mas isso também depende do quão perto a unidade fica da origem do som.

Pensa comigo: se o seu apartamento fica no terceiro andar, ao lado da área de festas - onde o barulho fica concentrado - obviamente você vai ouvir ele muito mais do que um morador que mora no décimo andar, por exemplo.

Já se o apartamento fica ao lado de uma avenida movimentada com trânsito frequente, caso você more nos andares mais altos, você tende a ouvir o som muito mais alto do que o seu vizinho que mora mais abaixo, uma vez que a trajetória que o som tende a fazer é ascendente.

Agora você deve estar se perguntando: mas então qual a solução?

Uma boa pedida para fugir desses extremos são os andares medianos e o mais longe da “fonte” de barulho possível, evitando unidades de frente para vias rápidas ou muito próximas das áreas comuns do prédio.

Modelo da planta

Outro ponto a ser lembrado é que alguns modelos de planta, principalmente aquelas com metragens maiores, coberturas ou até apartamentos duplex, geralmente ficam localizados nos últimos andares do edifício, com menos unidades por andar ou até andares exclusivos para um só apê - outro fator que ajuda a valorizar o apartamento.

Em contrapartida, em alguns edifícios, principalmente em apartamentos usados, é possível encontrar unidades com metragens maiores também no primeiro andar residencial, conhecidos como terraços.

Às vezes, essas unidades possuem até uma área externa ampla, com possibilidades que não se encontra nas outras plantas, como fazer uma horta ou até mesmo a opção de piscina privativa ou deck.

Quanto mais alto o apartamento, mais valorizado?

Via de regra, quanto mais alto for o andar do apartamento, maior será sua valorização e, consequentemente, seu preço de aquisição. Afinal, são os andares mais altos que potencializam a grande maioria dos pontos de valorização apontados anteriormente.

Mas, calma! A variação de preços também não acontece a cada andar. Em geral, a valorização das unidades por andar acontece por “blocos”, por exemplo: do terceiro ao oitavo andar o preço segue o mesmo, do oitavo ao décimo terceiro a faixa de preços se mantém também.

Para que você entenda melhor essa dinâmica, selecionamos um empreendimento real, da cidade de Goiânia, o recém lançado 15W22, para compararmos os preços da mesma unidade em diferentes ‘alturas’ do edifício.

A unidade estudada possui as seguintes características: três quartos, sendo todos suítes, 71 metros quadrados e uma vaga de garagem. É importante destacar que essa unidade não está presente em todos os andares, portanto iremos compará-la conforme elas aparecem nos “blocos” altura do empreendimento.

Gráfico de valorização de apartamentos por andar

Como escolher o andar ideal?

Depois de entender tim-tim por tim-tim quais fatores fazem os andares mais altos serem mais valorizados, chegou a hora da decisão: qual andar comprar meu novo apartamento?

Primeiro, é importante frisar que essa é uma decisão muito pessoal, afinal o seu novo lar precisa ter a sua cara, as suas preferências, e o andar que ele vai estar localizado também segue essa lógica.

Sabendo disso, para te ajudar nessa missão, listamos os prós e contras de cada um deles para que você possa ponderar e escolher seu andar preferido.

Apartamentos em andares baixos

“Apartamento no primeiro andar é ruim”. Se você já ouviu isso de algum corretor durante a sua busca, desconfie! Os primeiros andares têm, sim, suas vantagens. A primeira e maior delas é o custo-benefício.

Além disso, em alguns empreendimentos os primeiros andares concentram unidades com plantas exclusivas, com espaço para jardim, varandas amplas e possibilidades exclusivas de personalização. Um exemplo disso é a planta do tipo garden.

Apartamento tipo garden
Exemplo apartamento tipo garden

Por outro lado, é preciso ficar atento à localização do imóvel e à disposição das áreas comuns caso optar por um apartamento em andares baixos esteja nos seus planos.

Isso porque, caso o edifício esteja em uma rua de muito movimento ou ao lado da área gourmet do prédio, conviver com o barulho precisa pesar na balança na hora de tomar essa decisão.

Apartamentos em andares altos

Está pensando em viver nas alturas? Uma vista panorâmica, ventilação e iluminação natural te esperam. Nada mal né?!

Mas assim como nos andares baixos, nem tudo são rosas por aqui. Alguns privilégios dos andares altos podem pesar no bolso e estar preparado para essa diferença no valor final é muito importante.

Além disso, não se esqueça de observar a questão barulho mesmo nos andares superiores, agora que você sabe que é um mito que apenas os andares baixos podem ser barulhentos.

Deixe seu comentário ou dúvida

Artigos relacionados

Encontre o apartamento ideal hoje mesmo. Ajudamos você!

Chame um consultor agora ou agende uma ligação.