Bosque dos Buritis: patrimônio paisagístico de Goiânia

01 Dezembro 2021 | Atualizado em 17 Fevereiro 2022
Por Nicole Santos

Bosque dos Buritis

O Bosque dos Buritis é conhecido como um dos mais antigos parques da capital goiana. Isso porque ele foi projetado junto da planta original da cidade, na década de 20, sendo inaugurado em 24 de outubro de 1933, a data oficial de inauguração de Goiânia. 

O local, que possui mais de 140 mil metros quadrados, também foi considerado o primeiro patrimônio paisagístico da capital, pensado para servir como um espaço de preservação da fauna e flora nativa, além de oferecer opções de lazer para os moradores da capital. 

Neste conteúdo você vai ver fotos e conhecer mais sobre o Bosque dos Buritis, localizado no setor Oeste de Goiânia.

História do Bosque dos Buritis

Inaugurado junto da fundação da cidade de Goiânia, o Bosque dos Buritis possui 88 anos de história. Nesse período o local já passou por diversas revitalizações, a mais recente ocorreu em 2019, encabeçada pelo ex-prefeito Iris Rezende junto do então presidente da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA) de Goiânia, Lissauer Vieira.

Vista aérea Bosque dos Buritis na década de 60
Vista aérea Bosque dos Buritis na década de 60

A história do Bosque dos Buritis está conectada diretamente à história da cidade de Goiânia. Isso porque o local leva o nome de umas das árvores (que também dá nome ao fruto) mais tradicionais do bioma cerrado, o Buriti. Além disso, outro ponto de conexão entre a cidade e o parque está na presença do Monumento à Paz Mundial, arte presente no local.

Monumento a paz mundial Bosque dos Buritis
Monumento a paz mundial Bosque dos Buritis

Quem assina a obra, feita em concreto e ferro, é o artista plástico goiano Siron Franco. Com mais de cinco metros de altura e peso de aproximadamente 50 toneladas, o monumento faz referência ao acidente radioativo que ocorreu na capital goiana em 1986, devido a uma contaminação em massa pelo elemento Césio-137. 

Esse foi o maior desastre envolvendo radioatividade fora de uma usina nuclear em todo o mundo. Além de vitimar quatro pessoas, o acidente levou mais de 1600 pessoas a conviverem com as sequelas da contaminação. O Monumento foi erguido como homenagem às vítimas após um ano do incidente.

Em novembro de 2021, faleceu o ex-prefeito e ex-governador Iris Rezende. Por seu trabalho junto à cidade e ao próprio parque, foi criado um projeto de lei que dá ao Bosque dos Buritis o nome do político goiano em forma de homenagem.

Atividades culturais no Bosque dos Buritis

O Bosque dos Buritis possui diversos atrativos na parte cultural. Alguns deles estão dispostos no Museu de Artes de Goiânia (MAG) e no Centro Livre de Artes (CLA). Conheça mais sobre cada um deles:

Museu de Artes de Goiânia (MAG)

O MAG foi inaugurado em 1970 como o primeiro museu público de artes plásticas em toda a região Centro-Oeste do país. O local possui salas que recebem exposições temporárias variadas com artistas de todo o estado de Goiás, além, é claro, do acervo próprio do museu.

Museu de Arte de Goiânia (MAG)
Museu de Arte de Goiânia (MAG)

O Museu de Artes de Goiânia (MAG) fica aberto ao público de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 17h, e aos sábados e domingos das 08h às 18h. A entrada é gratuita.

Centro livre de artes (CLA)

O Centro Livre de Artes (CLA) é um espaço público gerido pela Prefeitura de Goiânia. Lá são oferecidos diversos cursos de forma gratuita a toda a população. 

Centro Livre de Arte (CLA)
Centro Livre de Arte (CLA)

No CLA você poderá ter acesso a aulas gratuitas de pintura, dança, desenho, história e muitas outras modalidades, com turmas para todas as idades. Para conhecer todos os eventos que estão acontecendo por lá agora, acesse o site e faça sua matrícula.

Orquidário Orlando Arruda

O Bosque dos Buritis também conta com um orquidário, que nada mais é que um viveiro de plantas com condições especiais para criação de orquídeas.

Orquidário Bosque dos Buritis
Orquidário Bosque dos Buritis

Descanso e espaço para aeróbico 

Além das atividades culturais, o Bosque dos Buritis é um bom espaço para aqueles que desejam realizar atividades físicas, já que no local é possível encontrar uma pista de caminhada de 2,5km. Lá você também vai encontrar as famosas academias ao ar livre. 

Lago Bosque dos Buritis
Lago Bosque dos Buritis

E não só atividades físicas são legais por lá, para quem quer só relaxar também não falta sombra e água fresca! O Bosque dos Buritis conta com belas paisagens junto de seus três lagos artificiais e diversas quedas d’água espalhadas pelo espaço. A natureza do parque também é abundante com patos, e pequenos macacos por todo lado.

More ao lado do Bosque dos Buritis

O Bosque dos Buritis é um recanto em meio ao ambiente urbano da capital. Por esse motivo o entorno do Parque está repleto de empreendimentos. 

Quanto mais próximo ao parque, mais antigos serão os empreendimentos já que o local foi bastante visado para moradia desde sua fundação. Hoje existem poucas residências disponíveis na orla do parque.

Mesmo assim, para os que querem morar no Setor Oeste em empreendimentos modernos, sempre existem opções. Uma delas é o Lina Praça do Sol da FR Incorporadora, localizada há um km do Bosque dos Buritis e 200 m da Praça do Sol

O Lina possui apartamentos com opções de 120 a 256 metros quadrados com 3 quartos e tem previsão de entrega para dezembro de 2024. Os valores em novembro de 2021 partem de R$ 760 mil. 

Lina Praça do Sol
Lina Praça do Sol

Se você curtiu saber mais sobre o Bosque dos Buritis, que tal morar no Setor Oeste ? Conheça aqui as opções de apartamentos à venda no Setor Oeste.

Confira os últimos lançamentos imobiliários

Deixe seu comentário ou dúvida

Artigos relacionados

Em qual bairro de Goiânia você quer morar?

Recomendações imobles

Encontre o apartamento ideal hoje mesmo. Ajudamos você!

Chame um consultor agora ou agende uma ligação.