Escute o conteúdo por áudio:

Índice imobles© de Setembro revela que o setor teve maior crescimento nos últimos 12 meses na capital de Goiás 

O Parque Amazônia tem se destacado nos últimos meses como uma boa aposta de investimento no setor imobiliário na capital goiana. Isso porque o crescimento acelerado do setor chama a atenção nos últimos doze meses, tanto pela constância quanto pelos números elevados, mesmo quando comparado a setores consolidados como Marista e Bueno

Acompanhe a evolução do percentual de valorização do Parque Amazônia no gráfico:

A explicação para a valorização elevada do Parque Amazônia em relação a outros setores é composta por diversos fatores que se correlacionam. Com localização estratégica, o setor está próximo a bairros como Serrinha, Marista e Bueno, pontos cruciais da capital. Aliado a isso, o setor possui  acesso a diversas vias rápidas que ligam toda a capital, o que facilita a locomoção mesmo para os que precisam transitar por outros locais.

Além disso, o Parque Amazônia apresentou poucos lançamentos imobiliários, o que acabou aumentando a relevância dos empreendimentos, que mesmo assim apresentaram preços mais baixos que os setores vizinhos. 

Todos esses fatores juntos resultaram no aquecimento das vendas no setor e, portanto, na supervalorização imobiliária no local. 

Valorização Parque Amazônia
Parque Amazônia

Segundo a opinião do especialista de mercado na imobles, Lucas Bagatim, os preços no setor Parque Amazônia possuem tendência de elevação mas não no mesmo ritmo dos meses anteriores: 

“Sabemos que atualmente há uma escassez de oferta no bairro e as principais construtoras da cidade já possuem uma série de empreendimentos planejados para a região. Entretanto, o bairro tem uma taxa de adensamento urbano (concentração de edificações) relativamente baixa quando comparado aos principais setores de Goiânia, em especial o Bueno. Por isso, acreditamos que os preços continuarão a subir, mas não no mesmo patamar dos últimos 12 meses. “

– Lucas Bagatim, especialista de mercado imobles

Os dados foram divulgados na edição de Setembro do índice imobles© de Setembro, que analisa os valores de metro quadrado nos principais setores de Goiânia, comparando-os mês a mês. 

Confira alguns dos destaques do Setor Parque Amazônia

Tranquilidade e expansão andando lado a lado

Mesmo com a crescente valorização nos últimos meses, o Parque Amazônia ainda mantém a calmaria e segurança que fazem toda a diferença na qualidade de vida dos moradores. 

No bairro é possível encontrar todo tipo de comércio e serviço a poucos metros de distância, um benefício para aqueles que não pretendem se locomover.

Mesmo assim, para os que precisam percorrer a capital, no Parque Amazônia estão dispostas algumas das principais vias de acesso rápido a toda região sul, como a Av. Sen. José Rodrigues de Morais Neto, que está diretamente ligada a Av. C-104, uma das principais avenidas que liga os setores Jardim América, Coimbra, Sudoeste dentre outros.

Imagem: mapa do setor Parque Amazônia
Mapa do setor Parque Amazônia

Crescimento x valor do metro quadrado

Seja para morar ou para investir, o Parque Amazônia se mostra uma boa pedida em Goiânia. Isso porque além de proporcionar qualidade de vida aos moradores, o valor do metro quadrado também é outro atrativo dessa região. Isso porque mesmo com a valorização recorde nos últimos meses, o preço por metro quadrado no Parque Amazônia ainda não se compara a outros setores também considerados bons para residir ou aplicar seu dinheiro. 

Confira o ranking de setembro/2021 do valor de metro quadrado em Goiânia: 

Fonte: imobles.com | Pesquisa “Preços dos Apartamentos em Goiânia”


Em oitavo no ranking dos bairros mais valorizados da capital, o Parque Amazônia ainda conserva um dos valores de metro quadrado mais atraentes da cidade. Enquanto setores como Marista e Bueno não baixam de R$7 mil, o Parque Amazônia mantém valores de metro quadrado na casa dos R$ 5 mil.

O primeiro lançamento de alto padrão: Lake House Residence 

Uma prova de que o Parque Amazônia está em pleno desenvolvimento é a chegada do primeiro empreendimento de alto padrão: o Lake House Residence

Além de uma nova opção para quem quer morar em com sofisticação e conforto no Parque Amazônia, o Lake House abre precedente para o lançamento de outros empreendimentos de alto e médio padrão na região. Como já aconteceu em outras regiões de Goiânia, como o Setor Serrinha, a tendência é que as atenções se voltem para áreas que o mercado enxerga como boas opções de investimento.

Fachada Lake House Residence
Fachada Lake House Residence

Lançado em Julho de 2021, o Lake House Residence, projeto da Yutá Incorporadora em conjunto com a Ética Incorporadora, vai ter 36 andares, o mais alto com rooftop de lazer em todo o Parque Amazônia.  

Localizado na rua Cananeia com a Avenida Antônio Fidélis, o Lake House Residence está a menos de 2 km do Parque Cascavel. As unidades tipo terão opções em 49m² e 117m², com opcional de garden, um espaço privativo extra junto do apartamento. 


Agora que você já sabe porque o Parque Amazônia merece o destaque que tem recebido, que tal conhecer os empreendimentos disponíveis nesse setor?