Escute o conteúdo por áudio:

Goiânia é a capital do estado de Goiás e possui aproximadamente 728 mil quilômetros quadrados de área, estando localizada no coração do estado. Mesmo sendo relativamente nova, com apenas 87 anos de história, já carrega o título de segunda melhor capital para se viver do país, de acordo com seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

Você está de mudança? Ou quer investir no mercado imobiliário de Goiânia?

No Guia Bairros de Goiânia, você vai conhecer os principais bairros e localizações da cidade que merecem destaque pelos seus empreendimentos, pela localização privilegiada e por seus diversos atributos e diferenciais. Além disso, saiba também sobre o perfil dos moradores e sobre o mercado imobiliário em cada setor mencionado. 

Bairros de Goiânia

Goiânia é composta por sete regiões (centro, sul, sudoeste, norte, noroeste, leste e oeste) e 641 bairros ao todo. Neste Guia, serão abordados os Setores Marista, Bueno, Oeste, Jardim Goiás, Parque Amazônia, Serrinha, Pedro Ludovico, Jardim América, Central, Eldorado, Park Lozandes, Alphaville Araguaia, Negrão de Lima, Universitário, Vila Rosa e Jardim Atlântico.

Todos os valores de metro quadrado aqui citados foram retirados do nosso indicador regional e pioneiro. Agora você também pode ter todos os comparativos de valores de metro quadrado dos principais setores da capital acessando o Índice imobles de metro quadrado em Goiânia aqui.

Setor Marista

O sonho de muitos goianos é viver no Setor Marista. Isso porque o bairro se destaca em diversos pontos, como a praticidade de viver próximo a muitos comércios, colégios, faculdades, shoppings e parques – além, é claro, de aproveitar melhor a qualidade de vida elevada e segurança que a região oferece.

Historicamente, o Setor Marista era parte do Setor Pedro Ludovico. No entanto, em 1962, houve a separação do setor em dois, devido à instalação do Colégio Marista,  escola presente na região até os dias atuais. A instituição de ensino particular atraiu para a região as famílias que tinham filhos matriculados na escola. Desse modo,  o bairro se desenvolveu nos moldes que se encontra atualmente. 

Para aqueles que preferem um bairro com alto padrão de vida, o setor Marista abriga os mais conceituados bares e restaurantes da capital – além, é claro, de ter acesso a diversas áreas de lazer próximas, como o Parque Areião. Um dos destaques do bairro é a super arborizada Alameda Ricardo Paranhos, devido a sua localização estratégica e charme característico do setor. A Alameda também com estrutura para fitness e esportes, sendo um ponto para prática desportiva.

Vista panorâmica do Setor Marista
Vista panorâmica do Setor Marista

Alto padrão e bem-estar presentes no Marista

Viver no Setor Marista é o desejo da maior parte dos goianienses, mas isso não significa que este seja o local ideal para todos. Isso porque, ao estar próximo de diversas opções de serviços e facilidades, o fluxo de pessoas também aumenta, sendo uma região bastante agitada e com trânsito complicado. 

Para se mudar para o Setor Marista você deve se perguntar: 

  • Você deseja estar em meio ao movimento?
  • Você precisa de agilidade para se locomover no dia a dia?
  • Você precisa se deslocar para outros bairros durante a rotina diária?

Além disso, um dos principais fatores que podem ser decisivos para se mudar ou não para o St. Marista é seu orçamento. No tópico abaixo, você pode conferir o padrão dos empreendimentos, localizados entre a Avenida D e o Parque Areião.

O Setor Marista dispõe de uma quantidade interessante de ofertas de imóveis novos e na planta, devido ao momento valorizado que a região passa atualmente. Em setembro de 2021, o valor do metro quadrado para venda de imóveis novos e na planta no Setor Marista era de R$7,6mil, o valor de metro quadrado mais elevado da capital goiana. 

Setor Bueno 

O Setor Bueno pode ser considerado o coração da capital goiana, por causa da alta concentração de opções de comércio, restaurantes, clínicas, hospitais, shoppings, faculdades e também pela grande oferta de imóveis novos, apartamentos em construção e usados, bem como para aluguéis. Nessa região, você pode encontrar preços bastante variados, entre médio e alto padrão. Segundo o último censo do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística , em 2010, o bairro constava como o segundo maior da capital, com 40 mil habitantes.

O Setor foi criado junto da planta original da cidade e, nos primórdios, era considerado uma região periférica. Foi durante os anos de 1980 e 1990 que a região recebeu mais investimentos e cresceu junto da expansão de Goiânia, em razão da proximidade com a nova capital do país, Brasília, e seu crescimento nesse período. Com a expansão e os preços mais atrativos da época, a região acabou se desenvolvendo em vários segmentos, abrigando hoje em dia, uma grande quantidade de empresas e escritórios, assim como residências.

Com diversas áreas de lazer disponíveis, os destaques do setor Bueno são o Parque Vaca Brava, rico em fauna e flora nativa, que conta com 79 mil metros quadrados de extensão . Outro ponto interessante dessa região é a praça T-23, que leva o nome da sua localização.

Parque Vaca Brava
Parque Vaca Brava

A praça arborizada é um ponto de encontro para todas as idades em meio ao urbano. Assim como a Praça T-23, a Praça T-25 é um local de fácil acesso para relaxar no meio da correria do dia a dia, sendo considerada pelos goianos uma das praças mais bonitas da cidade. 

Agitado e prático: o estilo Bueno de morar 

Para morar no Setor Bueno, você deve estar acostumado ao estilo de vida urbano e agitado das capitais. Isso porque a enorme concentração de pontos-chave da cidade resulta em um grande fluxo de pedestres e o trânsito caótico na hora do rush. 

Variedade nos preços e nas opções de empreendimento 

Dentre os setores abordados neste conteúdo, o Setor Bueno é o que mais possui opções de ofertas de venda e revenda de imóveis. Por isso, é possível encontrar nesta região uma grande variedade de unidades diferentes, que com certeza contemplarão as suas necessidades.

Caso você estude ou trabalhe no bairro, vale a pena analisar seu orçamento para entender qual região do setor caberá no seu bolso. Os empreendimentos que se aproximam da região do Parque Vaca Brava têm o preço mais elevado, devido à proximidade com o próprio parque, com as praças e com o Setor Marista, o que une o melhor dos mundos.

O valor médio do metro quadrado para venda de imóveis prontos para morar ou na planta no Setor Bueno, em setembro de 2021, era de R$7,1 mil. Como citado anteriormente, em razão da grande variedade de imóveis no Setor, é possível encontrar empreendimentos medianos e também de alto padrão. A maior valorização ocorre nos espaços próximos às praças e parques, como nos arredores do Parque Vaca Brava.

Setor Oeste

O Setor Oeste constitui um bairro bastante tradicional de Goiânia. Iniciou sua expansão na década de 1970 e 1980 e, à época, obteve destaque atraindo investidores e novos moradores. Nos anos 2000, acabou sendo superado, em opções de comércios e movimentação, pelo Setor Bueno. Nos dias atuais, possui algumas opções de empreendimentos novos no padrão classe média. 

Os destaques da região estão no Zoológico Municipal e na Praça do Sol, um dos principais locais de visitação da capital goiana, devido ao letreiro “Eu amo Goiânia”

Além do letreiro, na Praça do Sol também conta com a Feira da Lua e Feira do Sol, a primeira aos sábados e a segunda aos domingos à tarde. Ambas oferecem bancas com opções de gastronomia e variedades a preços populares, um dos passeios tradicionais da população goianiense.

Letreiro "Eu amo Goiânia" na Praça do Sol Setor Oeste
Letreiro “Eu amo Goiânia” na Praça do Sol Setor Oeste

Moradia tradicional próxima aos setores mais contemporâneos

O setor Oeste oferece um padrão de vida classe média alto, próximo às universidades, dando mais conforto aos estudantes. O bairro também oferece boas estruturas de acesso muito próximas aos setores Bueno e Marista, o que pode ser vantajoso para você que precisa da locomoção e das facilidades que essas regiões podem oferecer. Para o Setor Oeste, o valor do metro quadrado em setembro de 2021 nos empreendimentos novos e na planta, era de R$7,4 mil. 

Setor Jardim Goiás

Um dos bairros mais tradicionais da capital goiana é o Setor Jardim Goiás. Nele está presente o Parque Flamboyant – um dos mais bonitos da cidade, com 125 mil metros quadrados de área de lazer e descanso para as famílias, além do maior shopping center da cidade, o Shopping Flamboyant. 

Parque Flamboyant
Parque Flamboyant. Foto: Reprodução/ Parque Flamboyant / Portal Dia Online

O Setor Jardim Goiás também é a localização do Estádio Desportivo Serra Dourada, lar dos times Goiás Esporte Clube, Atletico Clube Goianiense e Vila Nova Futebol Clube

More com tranquilidade em alto padrão

Um dos diferenciais do Setor Jardim Goiás é o alto padrão de qualidade na maior parte dos empreendimentos. Não existem muitas opções de imóveis novos e na planta, por causa da escassez de espaços pelo tamanho reduzido do bairro. Em setembro de 2021, o valor do metro quadrado para imóveis novos e na planta no Setor Jardim Goiás era de R$8,0 mil.

Por conta da tranquilidade e proximidade a setores como Marista e Bueno, o Jardim Goiás é indicado para quem quer um imóvel para a  família e está em busca de opções de residências com alto padrão.

Setor Parque Amazônia

O Parque Amazônia é um destaque em Goiânia, devido ao valor de metro quadrado mais em conta.O fato de estar próximo de setores como Jardim América e Bueno, faz com que a região se valorize cada vez mais.

Com acessos bem planejados, esse Setor segue em constante desenvolvimento, e é uma boa pedida para investir ou morar. Se você precisa se locomover pela cidade, a região possui boas vias de escape com menor movimentação, o que resulta, também, em um ambiente mais calmo que as opções anteriores. 

Esse setor foi criado nos anos de 1955 , que até então era uma fazenda de propriedade familiar. O grande fluxo de empreendimentos só iniciou nos anos 2000, e sua expansão segue até os dias atuais.


Um dos pontos de destaque no Setor Parque Amazônia é a proximidade com o Parque Cascavel. Esse é um dos principais locais de lazer na capital goiana, e conta com um grande lago, áreas arborizadas além de pistas e playground. No Parque Amazônia, estão presentes, também, as principais ruas e avenidas de acesso à região sul e sudeste de Goiânia, como a Av. Rio Verde.

Vista aérea do Parque Amazônia
Vista aérea do Parque Amazônia

Tranquilidade e fácil locomoção para o morador do Parque Amazônia

Para você que deseja tranquilidade e proximidade a comércios com boas vias de locomoção, o Parque Amazônia é um setor recomendado. Pela presença de várias avenidas e estradas, torna-se um local de tráfego rápido – mesmo para aqueles que precisam se locomover longas distâncias pela cidade.

Localizado ao sul da capital goiana, o Parque Amazônia é um setor com o ambiente mais tranquilo em relação aos demais. Mesmo assim, não deixa de estar próximo aos trajetos mais procurados da cidade, como o Shopping Goiânia e o Parque Amazônia.

Para os que desejam morar no Setor, existem diversas oportunidades imobiliárias. O valor do metro quadrado para os imóveis novos e na planta em setembro de 2021 era de R$5,1 mil.

Setor Serrinha

O Setor Serrinha é uma das regiões destaques de Goiânia. Isso porque o bairro está atualmente em pleno desenvolvimento e expansão. Com localização privilegiada, próxima aos setores Bueno e Parque Amazônia, o Serrinha se torna uma boa opção para investir no quesito valorização do imóvel. 

O Setor Serrinha possui história bastante relevante para a cidade de Goiânia. Isso porque foi no Morro da Serrinha – local que dá nome ao setor – onde o fundador da cidade, Pedro Ludovico, decidiu que transformaria essas terras na futura capital goiana, por volta dos anos de 1930.

Desenvolvimento rápido e boa opção para investir

Apesar da valorização do bairro ainda estar em andamento, já existem boas opções de novos empreendimentos na região. Para quem deseja estar próximo a uma das regiões mais agitadas de Goiânia, o Setor Bueno, mas deseja maior tranquilidade e maior custo benefício, a indicação é o Setor Serrinha. O valor do metro quadrado para empreendimentos novos e na planta, em setembro de 2021, é de R$5,6 mil.

Um diferencial do Setor Serrinha: a Reserva Ybiti

Além das tradicionais filiais de TV e da mata nativa do Morro da Serrinha, em 2021 o setor passa a contar com uma grande novidade: a Reserva Ybiti

Uma iniciativa da Opus Incorporadora, o parque linear Jaime Câmara, ou Reserva Ybiti, será um espaço planejado, com segurança 24h, espaços de lazer como playground e quadra de esportes, além de Wi-Fi livre. A revitalização do espaço, que será aberto ao público, também contará com a presença de 8 novos empreendimentos previstos. O primeiro lançamento será o Opus Tellure, previsto para este mês (junho/2021).

Oportunidade para investimento

Devido a grande aposta das construtoras em desenvolver o Setor Serrinha, investir no mercado imobiliário da região é uma boa dica. Com o valor do metro quadrado ainda não muito alto, se você deseja investir em valorização imobiliária, vale a pena ficar de olho no setor.

Setor Pedro Ludovico

O setor que leva o nome do fundador da cidade é um dos mais antigos da capital goiana. Ele integra o grupo dos setores mais tradicionais e bem localizados de Goiânia, fazendo divisa com Marista e Bueno, os quais, no princípio, faziam parte do Setor Pedro Pedro Ludovico, e só posteriormente se emanciparam. 

Um dos pontos de destaque do setor é a presença do Terminal Isidória, onde circulam os BRTs – Ônibus de Trânsito Rápido ou, do inglês, Bus Rapid Transit – e, consequentemente, aumentam a circulação de pessoas pela região.

Além dele, a proximidade do setor com o Jardim Botânico Goiano também é um ponto positivo do bairro. Apesar de não ter o endereço no Setor Ludovico, o Jardim Botânico é uma das regiões de lazer e passeio dos moradores desse bairro. Isso porque somente 15 minutos de caminhada os separam (1,5 km). 

Bem localizado e com bom custo benefício

No próprio bairro, há boas opções de mercados, comércios, instituições de ensino, dentre outros. Porém, com a proximidade da região com os setores Bueno e Marista, que são mais movimentados e com mais variedades, as possibilidades em serviços e comércios aumentam em pouco tempo de deslocamento. Esse fator também faz com que o bairro não seja tão tranquilo quanto outros citados aqui.

No entanto, o Setor Pedro Ludovico não supera a movimentação dos setores vizinhos: Marista, Bueno e Oeste. Portanto, esse setor pode ser uma boa escolha para você que deseja uma opção de local não muito agitado e também não muito calmo.

Por ser um bairro mais antigo, o Setor Ludovico não dispõe de tantas opções de empreendimentos novos e na planta. Mesmo com a escassez, o custo benefício do metro quadrado é vantajoso em comparação aos vizinhos. O valor para empreendimentos novos e usados no Setor Pedro Ludovico, em setembro de 2021, é de R$5,4 mil.

Setor Jardim América

O Setor Jardim América é o bairro mais populoso de Goiânia, segundo o último censo do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Também é um dos maiores em extensão, e por isso ganhou fama entre os goianos como  “outra cidade dentro de Goiânia”. Vizinho dos setores Bueno, Serrinha e Parque Amazônia, o Jardim América constitui o grupo de bairros mais privilegiados em localização e opção de empreendimentos. 

Um destaque do setor é a Feira do Cepal, que funciona na praça 103 às quintas e domingos, oferecendo frutas, verduras, gastronomia e variedades. Como na maior parte das regiões, o Jardim América possui algumas praças para lazer e esporte, como a Praça da C-220, presente na Avenida T-9, uma das principais vias de locomoção da capital goiana.

Moradia em uma “cidade” dentro de Goiânia

Por ser um setor bastante populoso e com variedade de comércios, escolas, clínicas e restaurantes, o Jardim América agrada àqueles que querem estar em meio à movimentação, com fácil acesso às necessidades do dia a dia. Com trânsito complicado, morar no Setor Jardim América pode ser mais vantajoso para você que trabalha ou têm filhos em escolas da própria região, facilitando o deslocamento. Em setembro de 2021, o valor do metro quadrado para os empreendimentos novos e na planta do Setor Jardim América era de R$5,8 mil.

Setor Central

Esse é um dos bairros mais antigos de Goiânia, e também um dos primeiros a serem povoados. Diferente das regiões centrais de outras capitais, o Setor Central de Goiânia não possui o comércio mais variado ou o setor administrativo instalado ali, mas possui boas vias expressas de acesso para a maior parte das regiões goianas, ligando toda a cidade. Esse setor é também a localização do Estádio Olímpico Pedro Ludovico.

Além disso, neste setor está concentrada grande parte da história da cidade através de monumentos e prédios. Um exemplo é a antiga estação ferroviária de Goiânia, que recentemente foi tombada como patrimônio cultural nacional e passou por restauração.

O setor também é conhecido nacionalmente por abrigar diversos prédios históricos no estilo Art Déco que foram construídos junta da fundação da cidade, trazendo esse estilo arquitetônico que estava em alta na época em terras europeias diretamente para a nova capital do Goiás. O Teatro Goiânia integra a lista desses monumentos históricos da cidade.

Teatro Goiânia - Setor Central
Teatro Goiânia – Setor Central. Fonte: Jackson Biano / Tv Anhanguera / GShow

Outros pontos relevantes no Setor Central são a presença da Praça Cívica, uma das primeiras a serem criadas na capital goiana e que continua funcional até os dias atuais, representando a história da criação de Goiânia, além, é claro, da Catedral Metropolitana da Nossa Senhora Auxiliadora, criada em 1956.

Vivendo em meio a história de Goiânia

O Setor Central foi o ponto inicial da expansão da cidade e, por isso, nos dias atuais, encontra-se um pouco saturado no quesito imóveis. Quanto ao mercado imobiliário, o foco das vendas são para imóveis usados, com poucas opções de empreendimentos novos e na planta. Mesmo com poucas opções de lançamentos no mercado, o valor do metro quadrado para imóveis novos e na planta no Setor Central era de R$5,8 mil em setembro de 2021.

Setor Bela Vista

Situado ao lado de alguns dos principais setores da capital como Pedro Ludovico, Serrinha, Bueno e Marista, o Setor Bela Vista encontra-se na região sul da capital, uma das movimentadas de toda a cidade. Apesar de pequeno em extensão territorial, o bairro é um dos mais populosos de Goiânia devido a sua grande verticalização.

Localização estratégica para morar na capital

O Setor Bela Vista é bastante interessante para aqueles que desejam se locomover pela capital com facilidade. Isso por que nele está presente a Avenida T-63 e a Rua S-1, duas vias rápidas que atravessam diversos setores de interesse nos arredores do Bela Vista.

O Bela Vista possui um grande de interesse para os amantes de futebol: a sede do Goiás Esporte Clube, o Estádio da Serrinha.

Guia Bairros de Goiânia: conheça o melhor de cada setor - 1
Estádio da Serrinha – Setor Bela Vista. Fonte: Divulgação / NDmais

Além disso, o Setor, mesmo sendo pequeno, possui todo tipo de serviço e comércio a poucos metros das residências. Isso também faz com o setor seja muito procurado para investimentos imobiliários. Uma prova disso é que recentemente o bairro recebeu novos empreendimentos, aumentando as oportunidades de investimento. Para os que desejam morar ou investir no Setor Bela vista, os valores de metro quadrado para imóveis novos ou na planta em setembro de 2021 era de R$ 5,9 mil.

Setor Eldorado

O Setor Eldorado tem localização mais afastada da região movimentada de Goiânia, como o Setor Bueno. Porém, encontra-se bastante valorizado atualmente, em razão de às facilidades que o próprio bairro oferece a seus moradores e arredores. O setor foi totalmente planejado, e conta com vias largas e locais mais calmos e seguros. Um dos destaques da região é o Shopping Plaza D’oro, localizado no coração do setor. 

Nas ruas que compreendem o entorno do shopping, localiza-se a maior parte dos comércios e pontos chave dessa região. Além dele, outro destaque do Setor Eldorado fica por conta do Parque Bernardo Élis, uma área planejada com 76 mil metros quadrados, que tem surpreendido pelo aconchego e boa infraestrutura para esporte e lazer. 

parque Bernardo élis
Parque Bernardo Élis. Fonte: Carla Falcão / Dia Online

More com segurança em bairro planejado

O Setor Residencial Eldorado é bastante atrativo para aqueles que trabalham ou têm família nos arredores do bairro. Nessa localização, que fica um pouco afastada da região central, o Setor Eldorado representa um dos principais bairros com diversos pontos essenciais que atendem as necessidades diárias como comércios e serviços para cada um.

Se você preza por segurança, o Setor Eldorado pode ser uma boa opção, já que o bairro oferece vigilância com câmeras de segurança. Além disso, há a vantagem de o bairro ser inteiramente planejado, por isso possui vias mais largas o que resultado em mais conforto e padrão estético.

Por não ser uma região tão movimentada ou central da capital goiana, o Setor Eldorado possui uma quantidade reduzida de lançamentos imobiliários. Em setembro de 2021, o valor do metro quadrado para imóveis novos e na planta no Setor Eldorado é de R$5,1 mil.

Setor Alphaville Araguaia

Localizada ao lado da BR-153 e ao lado da prefeitura municipal, o Setor Alphaville Araguaia se destaca pela concentração de casas de padrão luxuoso na região. O bairro também dá nome ao famoso Condomínio horizontal Alphaville Araguaia. Caso você esteja procurando por casas de alto padrão em um condomínio fechado, o valor do metro quadrado em setembro de 2021 para empreendimentos novos nessa região fica em R$6,2 mil.

Park Lozandes 

O setor Park Lozandes recebe atenção devido a presença de (quase) toda administração pública de Goiânia que está disposta lá. Consequentemente, o local é relevante para todo o estado de Goiás, já que é um dos setores mais procurados para o turismo empresarial.

Além disso, toda região se beneficia com a permanência do poder público por lá do já que o setor é também um dos que mais recebe investimentos públicos em obras e melhorias de toda a cidade.

Setor Negrão de Lima

Localizado na região central da cidade de Goiânia, o Setor Negrão de Lima possui potencial de crescimento enunciado pelas oportunidades de lançamentos imobiliários, o que faz subir a procura de novos moradores.

Além disso, o bairro possui localização estratégica próximo ao centro, e é caminho para os bairros mais afastados através de vias que interligam a cidade, como a BR-153, a 5ª Avenida, e a Avenida Independência.

setor negrão de lima
Setor negrão de lima. Fonte: Blog CMO Construtora.

Esse setor apresenta diversas facilidades, como restaurantes, escolas, e comércios, o que o torna uma boa opção para quem deseja estar numa região mais tranquila, mas sem abrir mão de comodidades próximas. Se você tem interesse em morar no Setor Negrão de Lima, o valor do metro quadrado para empreendimentos novos e na planta, em setembro de 2021, é de R$4,4 mil. 

Setor Universitário

O Setor Leste Universitário (ou somente Universitário) conta com opções de hospitais e clínicas na região, especialmente os Hospitais Universitários. Além, é claro, da própria Pontifícia Universidade Católica de Goiás – PUC/GO. O bairro também conta com a Praça Universitária – a qual é muito mais do que apenas um ponto de lazer e esporte, mas também um museu a céu aberto, repleto de esculturas de diversos artistas locais.

praça universitária
Praça Universitária

Para você que tem interesse em morar no Setor universitário, o valor do metro quadrado para empreendimentos novos e na planta em setembro de 2021 era de R$5,6 mil. 

Setor Jardim Atlântico

O Setor Jardim Atlântico está localizado ao lados dos setores Vila Rosa, é repleto de opções gastronômicas, assim como comércios, e está situado bastante próximo à região mais valorizada de Goiânia, como Setor Bueno e Marista. O bairro oferece muitas opções de lançamentos imobiliários, o que traz traços mais urbanos para o setor.

Um grande ponto de destaque do setor é o Parque Cascavel, um espaço público bastante arborizado que contém espaços para trilhas a pé ou de bicicleta, além de lagos e gramados para descanso no final de tarde.

Os valores do metro quadrado do Setor Jardim Atlântico para empreendimentos novos e na planta, em setembro de 2021, era de R$4,9 mil – o que pode ser interessante para aqueles que procuram um local próximo a comércios e serviços e ainda com bom custo benefício em relação aos setores vizinhos.

Vila Rosa

O Setor Vila Rosa é vizinho do bairros Jardim Atlântico e Parque Amazônia, na região sul da capital. Bem localizado, o bairro é uma opção com bom custo de metro quadrado, mais em conta que os setores arredores, mantendo o bom estilo de vida e segurança.

Com boas oportunidades de moradia e investimento no setor imobiliário, o valor do metro quadrado para empreendimentos novos e na planta em setembro de 2021 no Setor Vila Rosa é de R$4,8 mil.

Está pensando em investir na capital goiana?

Goiânia, a capital mais arborizada do Brasil, é uma cidade repleta de oportunidades, que continua em pleno crescimento! E, para fazer a melhor escolha em imóveis na região, conte com a imobles. 

Para fazer a melhor escolha em imóveis na capital goiana, que tal buscar opções de empreendimentos nas regiões mais procuradas da cidade?